6 de fev de 2012

sussurro

     Você me diz que sou egoísta. Não acho que querer atenção seja egoísmo. Isso tá mais pra carência. O dicionário diz que egoísmo é pensar apenas em si. Tá errado então, porque eu costumo pensar mais em você do que em mim mesma. Não está no dicionário, mas pra mim, isso se chama amor. E quando a gente ama alguém, moço, a gente entrega tudo o que tem a essa pessoa e aí torce pra ela fazer bom proveito disso tudo. Eu te dei tudo. Meu tempo, meus carinhos, meus sorrisos, meus abraços e, o mais importante e frágil, meu coração. Isso pode ser uma prova de que meu egoísmo nem é tão grande assim? Quando a gente entrega nosso coração a alguém, a pessoa leva de brinde o poder de nos magoar. Ô moço, foi com tanto carinho que te dei esse poder, e é com um aperto enorme no peito que o vejo usá-lo.

4 comentários:

Juliana Barros (@minebarros) disse...

Algumas pessoas fazem isso mesmo, magoa pra valer :/
caramba, você escreve muito bem!
To seguindo o blog <3

xo, @ourbag - Curta a fanpage no facebook!

Anônimo disse...

É incrível como as palavras parecem tão tolas quando vidas de um desconhecido, mas quando vêm daquele que a gente entregou o que era mais ( exatamente como você disse!) frágil têm um poder absurdo de nos magoar .
Adoro quando você escreve. *-* AHAHAHA.

por: sua nova fã. Keliani.

Hannah Nogueira disse...

Adorei o texto *-*
Mexeu comigo, com meu momento, com minhas lembranças. E escrever bem é isso, né? Tocar o coração das pessoas.
:*

Elania disse...

Coisa fofa, apaixonante...E até clichê, se for pensar um pouco, rs.
Mas me "coube" aí. *-*